Mercedes-Benz

Pranchas de surf Mercedes-Benz para a onda mais alta do mundo

Durante séculos, os marítimos têm contado histórias sobre monstros, o que não é nada de novo. A história mais recente é que um desses monstros realmente existe, embora os cientistas o tenham confirmado bastante tarde, em 1995. Estamos a falar da chamada onda gigante, também conhecida como onda monstro ou onda arrepiante.

Na sua forma mais pequena, tem cerca de 25 metros de altura, mas pode atingir até 40 metros. Esta aparece por si só, o seu lado é extremamente íngreme, e viaja muito mais rápido do que as ondas “normais”. Se você quiser montá-la, você precisa de uma excelente prancha.

Quando o melhor encontra o melhor

Mercedes-Benz quis desenvolver a prancha final. A oportunidade perfeita para colaborar com alguém que sabe tudo sobre o que é necessário para estas gigantes. Garrett McNamara tem andado em ondas gigantes por vinte anos. Ele vem do Havaí e detém o recorde mundial em surf de bigwave.

Juntamente com os engenheiros, técnicos e desenhadores da Mercedes-Benz, ele desenvolveu uma prancha que é feita sob medida não só para este tipo de onda, mas também para o seu estilo de surf individual.

Segurança e desempenho superior de Mercedes-Benz

No total, quatro tábuas feitas à medida foram produzidas pelo “Projecto MBoard”. A Mercedes-Benz foi responsável pelo design e McNamara pela forma e peso das tábuas. A característica central da cooperação foi a busca do material ideal e da distribuição perfeita de peso no tabuleiro. Isto foi conseguido pelo reforço de fibra de carbono no meio e mão de obra kevlar nas extremidades. As tábuas são todas de formas diferentes e feitas sob medida para o peso e altura de McNamara. Foram construídos em Portugal. Supervisionado por Teddy Woll, chefe da Aerodinâmica Mercedes-Benz, estas foram submetidos a testes extremos no túnel de vento de Sindelfingen. McNamara testou os seus conselhos no início de Fevereiro de 2014 nas ondas da Nazaré em Portugal na tempestade chamada “Brigid”, e ficou encantado:

“Todo mundo que vem aqui para surfar ondas gigantes diz: ‘Essas pranchas não são boas. Precisamos de novas! Mas esta aqui foi a melhor prancha que eu já tenho surfado ondas monstros.”